A proposta deste livro é trazer à reflexão todos aqueles que amam a instituição da família e têm o desejo de vê-la resistir a estes tempos difíceis, onde todos os temas que a tocam tem sido desvalorizados. Tenho a convicção de que todo o cenário atual referente às questões como ideologia de gênero, casamento “aberto”, poliafetividade, entre outros temas, passam inevitavelmente pela degradação gradual do conceito bíblico de aliança conjugal e consequentemente da família, ao longo da história humana.

Há um desenho divino para a família. Há um modelo bíblico. A restauração da sociedade começa e passa pela restauração da Igreja, no tocante aos princípios. A família é a base da sociedade, e também é a base da Igreja de Cristo. Somente quando os chamados cristãos se voltarem à Palavra, às antigas veredas, ao desenho de Deus, poderemos ver milagres de restauração de vidas, de casamentos, da identidade de pessoas e um caminho inverso sendo trilhado, contra a maré de destruição que hoje vemos.

A ideia vendida pelos meios de comunicação, e até mesmo pelos governos atualmente, é: “onde existe amor, existe família”. Isso é uma tentativa de redefinir um padrão estabelecido por Deus; é o mesmo que dizer que o amor santifica um relacionamento, seja ele de que tipo for ou quem quer que envolva. A verdade é que “o amor” por si só, não torna um relacionamento lícito diante de Deus.

Se você acredita no potencial divino da família como instituição, quero encorajá-lo a continuar crendo! O objetivo deste livro não é persuadir ou debater questões, mas apresentar verdades bíblicas pouco pregadas. Busquei fazê-lo com a maior clareza e amor possíveis, consciente das controvérsias acerca de um tema tão delicado.

Que essa leitura possa provocá-lo e inspirá-lo a se aprofundar no tema, e a buscar maior revelação sobre os pensamentos de Deus acerca da família, pois definitivamente os pensamentos Dele são muito mais altos e melhores do que os nossos!

LIVRO ESGOTADO

Para adquirir, envie um e-mail através do formulário em nossa página de contato.